José de Abreu pede prisão de Roger do Ultrage

José de Abreu pede prisão de Roger do Ultrage

José de Abreu pediu a prisão de Roger Moreira, um dos 70 investigados pelo TSE em 16 ações contra o ex-presidente Bolsonaro. Ao comentar uma publicação no Twitter o ator declara: “Cadeia para o QI de ostra”.

Roger está envolvido em uma ação que investiga a disseminação de fake news sobre o sistema eleitoral. Além dele, outros políticos também são investigados, incluindo deputados federais e membros da família Bolsonaro.

Em resposta, Roger Moreira se defendeu e criticou implicitamente o presidente Lula, alegando inocência e mencionando uma suposta “ditadura”. Ele expressou sua indignação com a investigação, afirmando que músicos simples como ele estão sendo investigados junto com o ex-presidente.

“Pra quem votou no verme ver o tamanho da merda que fizeram. Jogaram-nos numa ditadura onde um simples músico é investigado junto com o ex-presidente. Ambos inocentes, diga-se de passagem”, escreveu o cantor.

A investigação envolvendo Roger Moreira ainda não tem uma data definida para julgamento no TSE. No entanto, o tribunal está julgando outro processo relacionado a Bolsonaro, que pode resultar em sua inelegibilidade pelos próximos oito anos. A ação, movida pelo PDT, refere-se a uma reunião organizada por Bolsonaro com embaixadores para disseminar fake news sobre o processo eleitoral brasileiro. O julgamento já teve início, com leitura do parecer pelo relator e manifestações das partes envolvidas, incluindo a defesa do ex-presidente e a manifestação do Ministério Público Eleitoral, que defendeu a condenação de Bolsonaro.

Fonte: Splash -Uol

Ver mais em Programas

WHATSAPP 92FM!
+55 48 98441-0010